Pontos CRC, cursos, conteúdo, normas e compliance com o M2M PRIME Assine o M2M PRIME
Nenhum resultado encontrado.

Exemplo simples de um teste de impairment

Exemplo simples de um teste de impairment

Uma empresa industrial adquiriu um terreno (ativo com vida útil indefinida) por $100.

Ao estimar o preço pelo qual venderia um terreno similar, chegou ao valor de $60, e ao refazer as estimativas de fluxos de caixa futuros relacionados ao uso do terreno, chegou ao valor de R$50.

Em resumo, temos os seguintes dados:

Valor contábil: $100
Valor em uso: $50
Valor justo líquido de despesa de venda: $60

Para realizar o teste de impairment, devemos calcular o valor recuperável, dado como o maior entre o valor em uso ($50) e o valor justo líquido de despesa de venda ($60) – Logo, o valor recuperável apurado é de $60.

Uma vez que o valor contábil ($100) é maior que o valor recuperável ($60), é necessário registrar uma perda por impairment de $40 (Valor contábil – valor recuperável = 100 – 60 = 40) neste terreno adquirido por $100.

Exemplo 1

Supondo que, após algum tempo, o valor recuperável do terreno passasse a ser $70, teríamos que reconhecer a reversão parcial da perda reconhecida, conforme balanço e DRE abaixo.

Exemplo 2

REFERÊNCIAS
GELBCKE,E.R.; SANTOS, A.; IUDÍCIBIS,S.; MARTINS,E., Manual de Contabilidade Societária: Aplicável a Todas as
Sociedades de Acordo com as Normas Internacionais e do CPC, 3a ed., Atlas, 2018.
Pronunciamento Técnico CPC 01 (R1) – Redução ao Valor Recuperável de Ativos
Pronunciamento Técnico CPC 00 (R2) – Estrutura Conceitual para Relatório Financeiro

Acesso ilimitado ao site
M2M PRIME
Cursos + Conteúdo + Manuais + Normas + Alertas + Pontos CRC
M2M PRIME
Relacionado